Jump to content

Edison Luis Paulini

Turma 20
  • Interações

    4989
  • Entrou

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    80

Edison Luis Paulini ganhou pela última vez dia 14 de Abril

Edison Luis Paulini teve o conteúdo mais curtido!

Sobre Edison Luis Paulini

  • Aniversário 11/24/1992

Informações pessoais

Visitantes recentes no perfil

3452 visualizações de perfil

Conquistas de Edison Luis Paulini

Capitão Prata

Capitão Prata (9/11)

  • Ex-gordo
  • Papagaio de pirata!
  • Gordo em desenvolvimento
  • Mão de Alface (Vai vender na primeira baixa)
  • Famoso nos 7 mares

Badges recentes

11.2k

Reputação

61

Respostas da comunidade

  1. William, sei que quando fazemos a compra de ativos nos extratos vem algumas taxas como emolumentos e taxa de liquidação. Mas são valores muito pequenos. Uma nota minha onde teve a compra de duas ações, a soma dessas taxas deram R$0,15. Em outra nota de outro mês onde a compra foi mais robusta com praticamente 10x mais ativos essas taxas deram R$0,68. Se forem estes os valores que voltam para nós, concordo em dizer que a conta não fecha. A não ser que estejamos falando de mais taxas que não estão ali nas notas. Neste caso ainda falta mais informação para nós como mencionado pelo @Marcelo Ribeiro. Até então estou no mesmo passo que vocês querendo entender um pouco mais.
  2. Boa noite, Hugo! Dando um pitaquinho aqui sobre o tema. Marcação a mercado na minha opinião vem como fator secundário e que eventualmente podemos ser beneficiados disso ao longo do tempo que levamos o título. O melhor a ser feito nos investimentos de renda fixa é seguir o contrafluxo pois ele nos prepara para ciclos futuros que a economia pode vir a ter. Em suma, quando seguimos o contrafluxo podemos ter sempre ao menos um indexador (as vezes dois) se beneficiando de um ciclo e nos dando uma boa rentabilidade muito acima dos títulos sendo oferecidos naquele momento. Ele consegue nos resguardar em praticamente todos os cenários econômicos possíveis. Objetivar um investimento com marcação a mercado eu vejo mais como uma tentativa de acertar o boga mosca 😅 Brincadeiras a parte, entendo que para se ter uma marcação a mercado favorável antecipando a rentabilidade é mais 8/80. Ou teremos um cenário que nós beneficiaria para a marcação ou não. Perceba que é diferente do que objetivar diferentes ciclos com o contrafluxo e ser até mesmo assertivo do que marcação. Logo, a marcação é um bônus que eventualmente podemos ter. Espero que contribua de alguma forma!
  3. Exatamente. Até onde entendo inclusive quem tem eventuais perdas neste processo é a pessoa que colocou o título a venda antecipadamente. Existe um spread cobrado pela corretora para fazer a operação para ele disponibilizado o título no mercado secundário que pode comprometer a rentabilidade obtida por ela. Mas no caso de sermos os compradores de títulos secundários, adquirimos o que está sendo mostrado: naquele momento o título está oferecendo 12% prefixado, com vencimento para três anos e aporte mínimo de R$1000 (informações hipotéticas apenas para ilustrar) você receberá essa rentabilidade em cima deste valor aplicado na data de vencimento estipulada.
  4. Eu me questionei isso. O que eu acho que poderá ser feito é como na cobrança de taxa que temos no tesouro direto que somos avisados com antecedência para termos o valor em saldo na conta da corretora o qual compramos os títulos do tesouro e o valor é debidato. Eu veria isso como uma alternativa plausível.
  5. Ainda não. Mandei mensagem ao suporte hoje pedindo o link para fazer a abertura da conta mas pelo visto a demanda está alta 😅
  6. Pessoal, minha principal questão no momento é com relação aos valores. Estive refletindo e penso no seguinte (caso hipotético abaixo): Suponhamos um patrimônio atual de 100mil e aportes mensais de 1000. No final do ano teremos teoricamente um valor aproximado de R$112.000 e um pouco mais dado uma rentabilidade. O valor aproximado a ser cobrado será de mais ou menos um aporte e meio. Me pergunto sinceramente o quão vantajoso seria "perdermos" esse valor. Não duvido do trabalho do time da AUVP mas estou com essa pulga atrás da orelha no quesito de valores mesmo. Sei que tem a parte do Cashback de taxas que voltaram para nós e queria entender o quanto isso também poderia ajudar nessa conta.
  7. Boa tarde, Alcinei! A principal questão neste tipo de investimento é que estamos falando de uma renda fixa atrelada a taxa de juros americana. Isso na minha opinião nos leva a dois pontos a serem pensados: - se compararmos a taxa de juros brasileira e a americana, não vejo muito sentido em investir se expondo a um país que não possuo uma taxa de juros elevada Vs o nosso que possui uma das maiores taxas do planeta; - quando fazemos investimentos voltados a exposição no mercado americano (pensando no dólar como citou) acredito que temos alternativas melhores e até mesmo mais rentáveis visando o dólar em si. Ainda que este tipo de aplicação é direto em dólar o que pode trazer proteção por estar se investindo em uma moeda historicamente mais forte que o real. Caso contrário, o maior benefício de se investir em dólar também já não teria. Se ainda quiser ir afundo, seria interessante ler o contrato da aquisição e ver nas letras miúdas onde estão as cobranças e taxas que este tipo de investimento oferece. Eu imagino que deva ter emolumentos voltados ao câmbio, IOF o que faria com que o valor aplicado fosse consideravelmente reduzido. Não acredito ser uma opção interessante.
  8. Pra agregar um pouco mais no tema: - quando falamos de opções estamos falando de compras e vendas a preços futuros de um ativo. Em outras palavras, você faz um contrato informando o preço que irá querer pagar futuramente pelo ativo mas sem comprar o ativo de fato. Você adquire o direito de compra da ação mas sem ter a ação em si. Isso pode ser feito tanto na base da compra da venda que são os termos usados para call e put respectivamente. Quando se está sob posse de um contrato destes e você os vende, é o que gera o que se chama de dividendo sintético. Podemos entender a grosso modo como uma remuneração de uma operação de opções; - quando falamos de aluguel de ações estamos abordando as ações que o acionista (nomeado doador) possui uma ação sob sua custódia e CPF comprada na bolsa e as disponibiliza para que outros investidores possam fazer negociações de trade com elas. Ou seja, o tomador (aquele que aluga suas ações) pega emprestado suas ações para se fazer operações incluindo call e put (salvo engano), day e swing trade a fins de se obter um lucro sem possuir de fato as ações até porque ao final do período que o tomador fica com as ações ele as devolve ao doador. Espero que tenha areado um pouco mais as diferenças!
  9. Boa tarde, Guilherme! Não necessariamente um título é colocado a venda no mercado secundário por antecipação de lucros e marcação. A pessoa que vende seu título antecipadamente pode ter N outros motivos: uma emergência e precisou do valor, encontrou títulos melhores e achou que aquele não fez mais sentido, etc. Dito isso, na prática para quem compra não se altera praticamente nada. Você vai adquirir o título no valor estipulado e receberá a taxa contratada e carregará o título até o vencimento como se estivesse comprando direto do emissor.
  10. São dois temas diferentes. No dividendo sintético são operações com opções onde o processo é envolto dos contratos das opções em si. Já o aluguel você dispõe ações compradas em seu CPF sob sua custódia e as oferece para traders as alugarem e fazer rolo/catira e recebe em troca um valor referente ao contrato por emprestar suas ações por um período.
  11. Boa tarde, Luis! Um extrato da B3 de posição consolidada não atenderia?
  12. Boa tarde, Jony! Mesmo com FGC eu particularmente não iria. Tenho alguns critérios um tanto rigorosos para investir e ter apresentando um prejuízo como no caso deste banco já sai fora da minha análise.
  13. Paulo, já leu também o homem mais rico da Babilônia? É um livro bem fácil de ler e que na minha opinião se complementa aos segredos da mente da milionária. Vale a pena!
  14. Esse livro é muito legal, realmente. Li ele no final do ano passado e está cheio de rabiscos e anotações (e olha que no geral não faço isso com meus livros 😅)
  15. Bom dia, Carlos! De fato é um tipo estratégia que não vale a pena para nós buy and holders. Uma estratégia que vale mais a pena que compactua bem com a nossa é o aluguel de ações. Vale a pena dar uma estudada mais a fundo pois é algo que se enquadra para nós que levaremos as ações investidas por muitos anos.
×
×
  • Criar novo...